Divulgação

Como vice-presidente da Comissão de Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa de São Paulo, o deputado estadual Danilo Balas (PSL), com o deputado estadual Rodrigo Moraes (DEM) na condição de presidente da comissão, visitaram o Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS) nesta segunda-feira (15).
O objetivo da visita foi averiguar denúncias de más condições de funcionamento, observar as instalações e também verificar onde e como estão sendo aplicados e utilizados os recursos de emendas parlamentares e demais verbas estaduais enviadas ao complexo hospitalar.
Os deputados e membros da comissão foram recebidos pelo superintendente Paulo Quintaes, pela vice-presidente do Seconci-SP, Maristela Honda e pelo gerente-executivo do Conjunto Hospitalar, Agnaldo Carlesse.
O Conjunto Hospitalar de Sorocaba atende 48 municípios da região, oferece atendimento de média e alta complexidade, é referência na região em trauma, além do apoio a emergências dos casos do SAMU, bombeiros e da Polícia Militar que são direcionados ao complexo.
“O hospital Leonor Mendes de Barros tem 20 leitos de UTI desativados e salas cirúrgicas que necessitam de investimentos e equiparações”, afirma o superintendente Paulo. Segundo ele, um projeto no valor de 65 milhões foi enviado à Secretaria de Estado para uma reforma completa do complexo hospitalar.
O superintendente afirma ainda que o governo do Estado repassa mensalmente de R$ 10,3 milhões, incluindo a incorporação da farmácia de alto custo, é insuficiente para cobrir os gastos.
O Seconci é a Organização Social de Saúde (OSS) que assumiu a gestão do complexo hospitalar em novembro de 2018 e os representantes informaram aos deputados que a Secretaria de Estado liberou o valor de R$ 2,7 milhões para o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiro (AVCB) e já está sendo providenciada a readequação.
“Constatamos que o hospital tem vários problemas estruturais, além do atraso do agendamento das cirurgias eletivas. O relatório da visita será encaminhado ao governo de Estado para as providências necessárias. Estamos iniciando nosso trabalho pela Região Metropolitana com o objetivo de aprimorar o atendimento e o tratamento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS)”, declara o deputado Danilo Balas.

Sobre a Comissão
A Comissão de Fiscalização e Controle (CFC) é responsável por supervisionar as decisões do Governo do Estado de São Paulo e das empresas concessionárias de serviços públicos. Além disso, deve verificar regularidade, eficiência e eficácia dos órgãos públicos no cumprimento das suas obrigações institucionais.