CCR SPVias orienta motoristas sobre como viajar com pets de maneira segura

Com a chegada do período de férias escolares muitas famílias se programam para pegar a estrada e curtir suas viagens, mas vale lembrar sobre os cuidados com o transporte de animais.

0
183
Foto: Akira

Há muito tempo que os pets se tornaram membros da família e participam de rotina de lazer, inclusive nos passeios e viagens. Por esta razão, é importante considerar todos os aspectos de segurança para esses bichinhos.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) não proíbe o transporte de animais de estimação nos veículos, desde que a condução seja feita de maneira segura e em dispositivos apropriados. Animais soltos dentro do veículo, com a cabeça para fora do carro, na carroceria ou transportados no colo ou entre os braços e pernas do motorista ou passageiros, além de colocar em risco os pets e condutores, podem gerar multa para o motorista e pontos na carteira de habilitação.

Pensando no bem estar e segurança dos condutores, passageiros e os animais de estimação, a CCR SPVias reuniu dicas de orientação para os motoristas transportarem seus pets de forma tranquila e segura, especialmente em trajetos de longa distância.

Para os animais de pequeno e médio porte, principalmente os gatos, a caixa de transporte é a mais indicada. Há também a cadeirinha para pet que é presa ao banco do veículo e possibilita que o animal viaje com mais liberdade.

Para os pets maiores existe o cinto de segurança especial e a grade de segurança, que é colocada entre os bancos traseiro e dianteiro, impedindo o animal de interagir e distrair o motorista.

Além disso, é muito importante lembrar que é comum que os animais sintam enjoos durantes as viagens mais longas. Assim, deve-se evitar alimentação pelo menos três horas antes, recomendam os médicos veterinários. Em alguns casos, os veterinários recomendam medicação adequada para minimizar os desconfortos para os pequenos viajantes.

“Especialmente nas rodovias, em função da alta velocidade, o animal desprotegido, sem os itens de segurança adequados, pode ser motivo de distração ao motorista e criar situações de risco, resultando em acidentes graves, alerta Alexandre Neachic, Coordenador de Operações, responsável pelas ações de segurança viária na Concessionária.

Aproveite as dicas, cuide do seu pet e bom passeio!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here